Promoção!

Inicial Prático Piloto Remoto (Apoio Autoformação A2)

199.00

Descrição


Localidade




Data Início
19/05/2022




Data Fim
19/05/2022




Horário




Observações




Inscreva-se



Valor de Tabela = 280,00€
Valor Sócio APDRONE = 199,00€


Idade Mínima: 0
Idade Máxima: 0
Situação: ; ; ; ;
Habilitações Mínimas:
Habilitações Específicas: – Como pré-requisito, o Formador deverá ter já concluído, com sucesso, o Curso para obtenção do Certificado de Piloto Remoto – Categoria Aberta A1 e A3 (Já disponível em Portugal através da ANAC) – gratuito e disponível em https://rp.anac.pt/local/staticpage/view.php?page=faq-anac-dronecourse);
– O Formando tem de ter disponível consigo no dia da Formação, o Certificado de Piloto Remoto A1/A3, em suporte papel ou digital.
– A realização da Ação de Formação está sujeita a alterações ou cancelamento, consoante avaliação das condições atmosféricas, que poderão impedir a realização da mesma nos dias programados;
– O Formando tem de pedir autorização de voo à Autoridade Aeronáutica Nacional (AAN) para o dia e local da formação;
– A Formação realiza-se com o Drone do Formando. O Formando tem de conhecer o Manual do Fabricante do Drone que irá utilizar no dia da formação.
– O Formando tem de levar 3 baterias carregadas para cumprir com todas as sessões de voo;
– No caso do Drone ter mais de 900gr, ter o seguro associado;
– instalar no seu telemóvel a App da marca do seu Drone.


O Curso Inicial Prático de Piloto Remoto tem como objetivo dotar os Formandos com os conhecimentos gerais, técnicos e comportamentais necessários para a prática de pilotagem de Aeronaves Não Tripuladas para a Categoria aberta, subcategoria A2.


1. Introdução ao Curso
2. Ações Antes do Voo: Planeamento da Operação, considerações relativas ao espaço aéreo e avaliação dos riscos do local da operação; inspeção e preparação preliminares ao voo.
3. Procedimentos Durante o Voo: Vigilância eficaz e manutenção de linha e vista (VLOS); Conhecimento situacional do local, de outros utilizadores do espaço aéreo e de obstáculos; efetuar manobras de voo de dificuldade progressiva, precisas e controladas; Monitorização em tempo real do estado do UAS e dos limites de resistência. Voo em condições Normais, de Contingência e de Emergência
4. Ações Após o Voo: Segurança, Inspeção e Reporte de Ocorrências
5. Conclusão do Curso


Inicial Prático Piloto Remoto (Apoio Autoformação A2)



1 – Formação presencial/em sala (turma)



É emitido Certificado de Frequência para os Formandos que participem na Formação prática constituída pelo mínimo de 3 sessões de Formação e alcancem um nível satisfatório de competências práticas.


Partilhar